BLOG

IMAGEM 01 a

Poesia sem título

De olhos abertos,
Vislumbro um brilho,
Até então desconhecido,
Que leva a imaginação,
Para viagens tão distantes,
Que por instantes,
Fazem com que me perca!

O toque macio,
Que parece desrazão,
Rouba toda inspiração,
Que não me permite mais escrever,
Uma linha sequer!

E a suavidade deste som,
Me leva para um lugar,
Que até ontem,
Parecia levar com o mundo,
A lógica perdida entre os dedos!

 

Outlook-1508329584
Comente o Post
Post Relacionados